Nosso Ben…


Hoje é dia de festa! Nosso Benjamin, nosso Ben completa seu primeiro aniversário! 
Um ano já passou, um ano com muitas novidades, mais uma vez… um ano de vê-lo crescer e se desenvolver, de viver a aventura de ser mãe de dois, e sobreviver (quase) inteira.. porque no final, é possível, a gente vai levando, um dia mais complicado, outro mais tranquilo… e nós e nossos pequenos vamos vivendo e sobrevivendo, aprendendo, e felizes porque estamos juntos, acredito!

E, como não poderia ser diferente, passa pela cabeça o filme de tudo que aconteceu, desde o positivo, toda a gravidez, saber o sexo, arrumar tudo, o dia do parto, os primeiros dias, o dia-a-dia, até chegar aqui…

Imaginem vcs que uma ou duas semanas depois de saber que estava grávida, começa aquele pânico em torno da doença zica, casos de microcefalia se multiplicando, etc, etc.. e agora, já estava grávida? O que fazer? Compra repelente, evita lugares de risco… ufa! Uma gravidez tensa neste sentido… 

O tempo foi passando e tudo foi indo bem.. seria menino ou menina? A minha torcida, sinceramente, era pra que fosse um menino, porque já tenho a minha Bia e queria ter os dois sexos. Mas, talvez por isso, e por ser de uma família de muitas mulheres, achava que viria outra menina, e ela até já tinha nome! Mas não era ela, era o nosso Ben.. demoramos pra escolher o nome, até que decidimos: Benjamin – o filho da felicidade! E ao lado da Bia, que é aquela que faz os outros felizes, ele e ela de fato nos trazem muita alegria!

Tudo correu bem, apesar da preocupação com a zica, o chá de bebê foi muito especial, e ele chegou! Chegou no dia 04/07, pra povoar um pouco mais o início do mês, que já tem vários aniversários na família, chegou de presente de aniversário pro papai, que assopra velinhas no dia 07/07…

Chegou, grande, forte, saudável! Graças a Deus! Bebê tranquilo, mamava e dormia bem, como a irmã, garantia de sobrevivência pra mamãe aqui! 😉

E o tempo passou e passou, cada mês, mais rápido do que na primeira vez… agora era dois pra olhar, cuidar, alimentar, dar banho, colocar pra dormir.. os dias passaram muito rápido! 

E ele foi crescendo, crescendo, enchendo nossa casa de mais alegria… pintando de azul o que já era cor-de-rosa, e deixando tudo bem colorido.. ele e ela!

Perto do seu aniversário, nos mudamos.. pra um pouquinho longe.. do Rio pra Bogotá… senti muito não poder comemorar seu primeiro aniversário perto dos amigos e de toda a família… queria dar aquela festa, aquele churrasco… mas a comemoração será menor… mas menor só no número de pessoas e tamanho do bolo.. nossa alegria e gratidão são grandes, do mesmo jeito, como foi com a Bia… e sabemos que quem estaria presente fisicamente continua presente, no coração!

Obrigada, meu Senhor, pela vida do Ben na nossa vida!

Meu filho, a você, o meu desejo é que o Senhor seja seu guia e sua busca todos os dias de todos os anos da sua vida, que vc seja feliz, e que Ele te abençoe e te guarde, faça resplandecer o seu rosto sobre ti, e tenha misericórdia de ti; o Senhor sobre ti levante o rosto e te dê a Paz! (Nm. 6:24-26).

Mamãe, papai, irmã te amam muito! 

E muito mais gente tb!! Graças a Deus por isso!

“Ensina a criança…”

Na primeira reunião de pais do ano, na escola da Beatriz, a diretora da escola comentava sobre problemas recorrentes na escola durante os anos, como o estacionamento (carros que param em lugar proibido, em vagas preferenciais, que travam a passagem, etc…). Chamava a atenção de nós, pais, de que o problema somos nós, os adultos, não as crianças. E terminou dizendo o seguinte, quase como um desabafo: “É difícil ensinar adulto…”. Aquilo ressoou na minha cabeça…

É difícil ensinar adulto… Pura verdade! É difícil, pelo menos mais difícil do que uma criança. Adultos já são cheios das suas próprias verdades, de manias, maus hábitos e comportamentos já arraigados, alguns acham que já sabem tudo, outros, que já estão velhos demais pra mudar/aprender alguma coisa, pois bem… por estas e outras razões, é difícil ensinar adulto.

Continuar lendo

Vamos cozinhar?


Há alguns dias atrás postei fotos de uma tarde em que minha querida Bia foi pra cozinha junto comigo pra fazermos um bolo. Não foi a primeira vez que isso aconteceu, e todas as experiências foram super positivas. Pode ser que esse tipo de experiência já seja corriqueira na vida da sua família, pode ser que não. Por isso, resolvi escrever um pouco sobre isso, pra ressaltar os pontos positivos que percebi nessa experiência, que podem ajudar em outras situações, sempre visando o melhor para os pequenos.
Seguem algumas percepções:

Continuar lendo

A Quaresmeira…

20160120-155353.jpg

Ontem recebi essa foto… Olhem que linda! Uma quaresmeira toda florida. Fica em frente à casa da minha mãe.
O fato é que ver uma imagem tão linda dessa me fez muito bem, fiquei pensando nela, em sua beleza, serenidade, em como é capaz de chamar a atenção de tantos por ser tão linda!
Soube que a quaresmeira tem esse nome porque floresce na quaresma (ou perto dela), embora possa florescer em outras épocas tb. O fato é que ela não floresce na primavera junto com as outras árvores. Floresce “fora do tempo”, mas, na verdade, no tempo dela.

Continuar lendo